Anomalisa (2015) – Ser Diferente, nos torna uma “Anomalia” ?

Cinema | Anomalisa: 

Essa é uma das melhores animações que podem ser consideradas apenas para adultos. Totalmente feita em stop motion e com uma ótima direção de arte.

AnomalisaAnomalisa” é uma animação em stopmotion, com a direção de Duke Johnson (Community [TV Series], 2011)  e Charlie Kaufman (Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças, 2004) que também assina o roteiro. Com a trilha sonora de Carter Burwell (Hail, Caesar!, 2016) e a cinematografia de Joe Passarelli (Mary Shelley’s Frankenhole [TV Series], 2012). No elenco temos David Thewlis (Macbeth: Ambição e Guerra, 2015), Jennifer Jason Leigh (Os Oito Odiados, 2015) e Tom Noonan (Sinédoque, Nova York, 2008).

David Thewis é um palestrante motivacional que acaba de chegar à cidade de Connecticut. Ele segue do aeroporto direto para o hotel, onde entra em contato com um antigo caso para que possam se reencontrar.

Anomalisa

O roteiro segue uma métrica bem comum, algo que poderia ter sido muito bem filmada com atores reais. Nada de estranho até aqui, pois é uma peça de teatro e em vários momentos vemos que a força do dialogo é um dos trunfos. Junto, é claro da ótima direção de arte que trás ao filme algo novo. A trama nada mais aborda algo como a solidão humana, o que é bem interessante de se analisar. Michael Stone (Thewlis) na trama é um palestrante motivacional e que mesmo casado e tendo filhos, sente-se sozinho, mesmo antes de viajar a trabalho.

Assim como quem está lendo essa crítica, irá achar estranho que eu apenas coloquei três atores no corpo das informações técnicas do filme, e não, a preguiça passou longe dessa vez, pois temos apenas três atores emprestando sua voz para os personagens. David Thewlis, nosso protagonista que está bem interessante aqui, passa a sensação de um homem amargurado, sozinho e que mesmo casado busca uma forma de inteiração, mesmo que não tenha mais aquela esperança de encontrar alguém.

anomalisa

Tom Noonan é a voz de todo mundo, sim, literalmente todo mundo. Por isso apenas três atores. Quando descobri isso fiquei imaginando o porque de tal escolha. E com o passar do filme a única conclusão foi essa, que são vozes quase “mortas”, onde o ator não teve trabalho algum em desenvolver, pois é a proposta da película. Michael por outro lado, ser um palestrante motivacional e conhecido não se motiva ao mesmo tempo que tenta trazer essa sensação a todos, mas não querer se relacionar com as demais pessoas, pois são para ele, vazias e sem nada a acrescentar (e não é por falta de tentar).

E chegamos em Jennifer Jason Leigh que a única voz feminina no filme, por que sim,todas as outras vozes, incluindo outras mulheres é todas feitas por Tom Noonam. E no meio de toda aquela cacofonia, eis que se ouve uma voz feminina e que chama a atenção do protagonista. Jennifer nem ousa tanto com a voz, pois é simples a maneira como suas nuances interpretativas são postas a prova. Parece mais algo como, não escolhemos por quem vamos nos apaixonar e não importa a maneira como a pessoa fala, tudo soará como música a nossos ouvidos. (Cena da representação de Girls Just Want To Have Fun da Cindy Lauper é ótima e muito bonita).

Anomalisa

A cinematografia de Joe Passarelli é trazida na mise-en-scène de forma que em muitos casos possa parecer um sonho, algo bem naturalista e que não aconteceria numa cena real, seja por seus. A direção de Charlie Kaufman costuma ter essas peculiaridades, como o exemplo daquilo que vimos em seu filme Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças, sendo algo recorrente em seus filmes. Há muitos planos abertos e uma profundidade de campo que não parecer ser o que é. Existem vários momentos em que um corredor em cena, parece não ter fim.

Anomalisa

Nota---Whiplash

“Anomalisa” é uma ótima animação, que talvez poderia ser feita com atores reais, mas que a animação em si é algo bem interessante para se contar a história. Pode existir algumas cenas um tanto desnecessárias que tentam traduzir algum valor, mas que não faz sentido na trama, porém, no todo é uma película ótima e que merece destaque no Oscar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s