Horizon Zero Dawn (2017) – Um Novo Horizonte de Possibilidades | PlayStation 4

Artigo | Horizon Zero Dawn, 2017 (Guerrilla Games):

Capa Photoshoot em HZD

Como vão, queridos Nerds. Aqui é a Luna e como redatora vou falar um pouco sobre vários assuntos – Mas não se preocupem, meninos, vocês podem ficar. Não vou falar de maquiagem e cabelos – Apesar de gostar dos temas, há muitos canais que abordam isso ultimamente – Hoje vou citar o último game que joguei e que, querendo ou não, tem haver com a Mulher. Horizon Zero Dawn.

Um jogo eletrônico: RPG de ação desenvolvido pela Guerrilla Games e publicado pela Sony Interactive Entertainment exclusivamente para o PlayStation 4 lançado em 28 de fevereiro de 2017.

Sinopse | A História do jogo acontece mil anos no futuro em um mundo pós-apocalíptico onde criaturas mecanizadas colossais dominaram tudo, e vagam em uma paisagem fora do controle da humanidade. O jogador controla Aloy, uma caçadora que utiliza sua velocidade, esperteza e agilidade para permanecer viva e proteger sua tribo contra a força, o tamanho e o poder bruto das máquinas.

Se você já jogou e está familiarizado com Far Cry Primal ou filmes como A Maquina do Tempo, sabe de onde veio algumas das inspirações desse game – Juntamente com o estilo RPG e uma boa história, a Guerrilla cria sua primeira obra prima importante na indústria – Claro, jamais esquecendo Killzone, responsável por fazer aparecer esses desenvolvedores que sabem muito bem como criar um jogo completo.

Não se preocupem, não haverá Spoilers, até porque não terminei de jogar, mas que não consigo parar. Muito viciante… Controlar nossa protagonista, Aloy em um universo rico e cheio de possibilidades, faz você jamais fica parado e sempre quer concluir as missões – Sejam elas principais ou secundárias – Algo que lembra em muito The Witcher nesse aspecto. Com uma gama variada de armas e técnicas e mantendo o gameplay focado quase sempre no stealth. Jamais tente ir na porrada com certas maquinas, sendo que para derrota-las, é necessário pensar, ir com calma e na estratégia.

O jogo mantém-se fluído o tempo todo, sempre nos centralizando na gameplay. A atmosfera e as músicas nos mantém nos eixos e a cada lugar encontrado no mapa, faz com que o extinto de explorador apareça, para assim conhecermos mais desse universo pós-apocalíptico – Acredite, você encontrará coisas legais e que te fará pensar e muito sobre a temática e a história – Aloy é diferenciada dos demais personagens e assim como qualquer boa protagonista, sente-se deslocada e quer encontrar seu lugar ao sol – Juntamente com seu mentor, Rost – A caçadora aprende a se virar e como se portar, caso um dia queira ser parte de uma família/tribo, como os Nora de onde foi exilada, por ser “diferente“. Aos poucos vamos a entendendo, desdesu a infância até a fase adulta… – E é quando passa a questionar a veracidade daquele mundo, sua religião e até si mesma.

Horizon Zero Dawn™

Hannah Hoekstra

Atriz/Miocap: Hannah Hoekstra

Não é de hoje que na cultura pop, as personagens femininas vem ganhando espaço – Essa representatividade está ocorrendo em praticamente todas as produções, e aqui não é diferente, pois seus desenvolvedores fizeram o dever de casa. Inspirando a protagonista em boas personalidades, tais como: Lagertha (Vikings), Ygritte (Game of Thrones) até as mais antigas (Ripley e Sarah Connor), tendo como pano de fundo a Jornada do Herói (Campbell) e passando no famoso teste de Beckell (posso falar mais num artigo futuro).

Aloy é a personificação de tudo que há de bom numa personagem feminina. É ótimo saber que a Guerrilla Games conseguiu isso com maestria – E a heroína é amada não somente por jogadores do sexo masculino, como para as do feminino. Podemos dar parte dos créditos não somente para a produtora, como para quem esteve por trás e deu vida a personagem; Hannah Hoekstra (Mocap)Ashly Burch (Voice). Quem jogou, por exemplo, Life is Strange, sabe que é a voz da Chloe, a de Aloy. E em que sua interpretação consegue força, sensatez e até “doçura” em seu modo de falar. Juntamente com o visual da personagem, longe de esteriótipos e ao mesmo tempo trazendo uma beleza natural a personagem.

Vocês podem até achar que o fato de existir uma roupa, como a que vocês veem na imagem de capa desse artigo, possa ser uma “tentativa” de “sexualizar” a personagem; Estão ligeiramente enganos, são roupas especiais para o combate em que cada uma possuí algo que de vantagem – Nada é de graça aqui – E sendo o primeiro trabalho em games que a atriz Hannah esteve, é fácil verificar que sua fisionomia batia com a ideia do game de ser uma personagem diferenciada, mas que chama a atenção, não por pura beleza, mas por vários outros atributos.

Entrevista com Ashly Burch. Voz da Aloy.

Fonte: IGN #DailyFix

A trilha sonora é inpecável e mistura batuques tribais com alguns sons mais tecnológicos – Misturando músicas com leves vocais suaves para entender a magnitude da Jornada. Há momentos em que a música se torna tensa, como em batalhas seja pelas maquinas ou pelas tribos rivais – É como se fosse tudo uma coisa só, onde você não se preocupa em ouvir separadamente pensando “qual é a próxima música“, é tudo parte do todo. Isso é Horizon Zero Dawn!

Talvez o jogo peque apenas em algumas passagens de diálogos – Que aparece muitas vezes e dá um corte brusco entre uma fala ou outra – E poucos bugs, como nadar pelos rios, mas nada que faça com que você perca a experiência do game.

Horizon Zero Dawn, é um exclusivo da Sony para PS4 e disponível na PSN e Mídia Física nas demais lojas online. Vale a pena ser adquirido, pois o hype vem alto desde o anuncio até a data de publicação do mesmo. Um game que agrada a todos os públicos. Uma história até então universal e divertida – Você não irá parar de jogar até desvendar todo esse universo pós-apocalíptico. Além é claro de ir trabalhar ouvindo a belíssima trilha sonora com a imagem de nossa protagonista como plano de fundo do seu celular. Seja mais um nessa tribo de caçadores e vamos atrás das maquinas…

Posts Antigos | E3 2016 | Horizon: Zero Dawn – A Pressa é Inimiga da Perfeição

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s