GAMES INDIES | 3. Entrevista com os Desenvolvedores

Artigo | GAMES INDIES | 3. Entrevista com os Desenvolvedores

Medium 3296790 featured image

Overcast e a Entrevista

3.2. Microblast Games – A indústria de Jogos Indies

Na vibe de games indie produzidos no Brasil, na mesma época fiz uma entrevista com Rafael C. Carminatti, desenvolvedor dos jogos da Microblast. Sobre o “Overcast“, disponível a venda na Steam, vencedor da votação do público via greenlight.

[Sinopse] Walden é um velho caçador, vive sozinho e sem qualquer ligação com a sociedade. Ele é assombrado por uma criatura misteriosa. Depois que a criatura destruiu e matou as pessoas do vilarejo próximo a sua cabana, Walden resolve dar o troco, mas isso será mais assustador que ele previa.

Com uma belíssima trilha sonora e uma história mais aprofundada o game é de gênero Survivor Horror.

Diego Ramon: Qual foram suas ideias para criar o jogo?

Rafael C. Carminatti: A ideia do jogo surgiu a partir do filme “Silver Bullet” juntamente com a série “Hells on Weels” e livros de natureza. Decidimos juntar tudo isso em um game e fazer dele um jogo focado em dar Jump Scares nos jogadores.

Diego Ramon: Tiveram alguma ideia para o game que não foi possível executar?

Rafael C. Carminatti: Pensamos em fazer um modo online onde um jogador seria o caçador e outro seria o lobisomem, porém não foi realizado, quem sabe em algum futuro.

Diego Ramon: Existem planos para lançar alguma expansão/DLC ou já terminaram com esse título? Existe conteúdo para uma sequência?

Rafael C. Carminatti: Haverá uma sequência para o game, mas ainda não há uma data prevista de lançamento.

Ainda não possuímos o roteiro da sequência mas com certeza irá dar muitos sustos na galera e com uma qualidade ainda maior. Todos irão gostar!

Canal da Microblast Games

Diego Ramon: Como foi escolhida e produzida a trilha sonora?

Rafael C. Carminatti: A trilha sonora foi feita pelo músico Igo Carminatti, a proposta foi criar uma trilha com instrumentos acústicos e com um clima de suspense para dar tensão nos jogadores. O tema do game teve uma pegada mais rápida e empolgante.

Diego Ramon: Quais são os games e a plataforma que vocês mais curtem? Existe alguma inspiração por parte desses jogos/empresa?

Rafael C. Carminatti: Gostamos de todos os games de todas plataformas, do mobile até o PC. Se baseamos mais em filmes do que em games para criar nossos projetos.

Diego Ramon: O que faltam nesses games atualmente no gênero terror? Modificariam alguma coisa?

Rafael C. Carminatti: Acho que todos os games de terror tem suas devidas qualidades, eu não modificaria um game somente para atender aos meus gostos, acho que os produtores de hoje em dia estão fazendo bons produtos com boas qualidades que atendem as necessidades dos jogadores atuais.

Shooter, FPS e Terror…

Diego Ramon: Na sua opinião como você vê crescimento da industria dos games no Brasil?

Rafael C. Carminatti: A grande quantidade de impostos e a falta de incentivo do governo fazem com que o Brasil não evolua nessa indústria.

Diego Ramon: E o que você tem a dizer sobre o aumento pela procura de cursos profissionalizantes na área de games?

Rafael C. Carminatti: Estudar sempre é a escolha certa, saber criar um game do início ao fim é um grande passo para o sucesso. Não importa como ou onde você aprenda, criando um game de qualidade mesmo sem fazer uma faculdade ou algum curso, o resultado vai ser o mesmo.

Muitos dos desenvolvedores de games brasileiros encontram certa dificuldade para a criação por conta do governo. Não existe incentivo. Como disse o desenvolvedor do jogo “Aritana e a Pena da HarpiaPérsis Duaik, nem mesmo a lei Rouanet de incentivo a cultura pode ajudar, parece que só serve no papel, para mostrar que temos essa ajuda, quando na verdade somente a parte mais favorecida recebe essa bonificação. As coisas independentes e sem recursos financeiros acabam sendo as melhores.

Para mais Informações: Microblast Games

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s